Notícias | 30 março, 2020
Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Em tempos de isolamento social, o grande desafio das empresas tem sido tornar as relações virtuais mais humanas. Para nós, o desafio foi ainda maior, pois tivemos a missão de levar para cerca de 140 mil estudantes de todo o Brasil o ambiente de aulas presenciais para salas de aulas virtuais. Para isso, contamos com a parceria da Zoom Video Communications, companhia californiana de serviços de conferência remota e líder no segmento, que oferece o mesmo sistema para instituições de ensino como a Universidade de Columbia (Nova York, EUA).

“Graças a uma parceria de sucesso com a Zoom, conseguimos, em duas semanas, ampliar o nosso modelo híbrido, que já é uma referência no País, levando as nossas salas de aulas presenciais para salas virtuais. Mas é importante ressaltar que nosso cenário não se confunde com o denominado Ensino a Distância. Nossos estudantes estão vivendo a experiência digital junto com seus professores habituais, por meio de salas de aula virtuais, onde o ambiente oferecido é de simultaneidade, ao vivo, em locais diferentes para proteção de toda a sociedade nesse momento atípico que enfrentamos”, destaca Marcelo Battistella Bueno, nosso CEO.

No dia 09/03, iniciamos uma grande mobilização para realizar a alteração do cenário de aprendizagem para todos os alunos e educadores. O fato de oferecer um modelo acadêmico híbrido há mais de dois anos, tornou a transição fluida e assertiva, uma vez que já possuíamos materiais disponíveis e professores devidamente preparados em todas as disciplinas de todos os cursos. Em 19/03, por exemplo, tivemos 1.279 turmas simultâneas com as aulas ocorrendo normalmente em ambiente digital, no qual os universitários e docentes puderam interagir de forma natural, como em uma aula presencial.

“Está tudo funcionando como se estivéssemos em uma aula presencial, só não existe o contato físico. O professor está usando ferramentas e conteúdos bem bacanas, que têm tornado as aulas mais produtivas e que prendem a nossa atenção, já que estamos em um ambiente virtual. Além disso, ficamos mais tranquilos por saber que poderemos dar continuidade aos nossos estudos sem atrasar o calendário acadêmico”, destaca Gustavo Dervelan, estudante de Jornalismo da Universidade São Judas, em São Paulo.

Com a utilização das plataformas streaming com apoio da Zoom, registramos mais de 8 milhões de minutos de aulas contabilizados em duas semanas. “Acreditamos que todas as empresas têm a responsabilidade social de contribuir com a comunidade e a sociedade, e isso é extremamente importante em tempos de crise”, comenta Abe Smith, chefe Head Internacional da Zoom. “Com esse princípio em mente, a Zoom está apoiando a Ânima a fazer todo o possível para fornecer recursos e suporte àqueles que estão vivendo o surto de Coronavírus”, finaliza.

Realizamos também uma parceria com uma operadora de telefone para oferecer pacote de dados mais acessível para nossos estudantes que não têm acesso à internet. Além disso, estamos estruturando os conteúdos para que grande parte das aulas possam ser acessadas por meio de um smartphone conectado à internet. Nossa maior preocupação neste momento é continuar entregando educação de qualidade e manter as pessoas em segurança, estando atentos a formas de contribuir com saúde pública, alinhados também com as ações do Governo Brasileiro e Ministério da Saúde, assim como com as recomendações do Centro de Contingência do Coronavírus.