Notícias | 16 maio, 2021
Tempo estimado de leitura: 4 minutos

No último mês, demos as boas-vindas à Faculdade Milton Campos, uma das mais tradicionais e renomadas instituições de ensino de Direito do país, que há anos é líder em aprovação na OAB em Minas Gerais e ocupa a 5ª melhor posição no Brasil. Com o movimento, reforçamos a aposta no ensino jurídico de excelência, que já era representado em diversas regiões por nossos cursos de Direito em outras instituições.

A Milton Campos, além do Direito, também oferece opções nas áreas da Administração e das Ciências Contábeis. A operação, cujo investimento totalizou R$ 57 milhões, faz parte da nossa estratégia de ampliar a atuação no estado e fortalecer o ensino de qualidade em todo território nacional.

De acordo com nosso Diretor Regional em Minas Gerais e Goiás, professor Rafael Ciccarini, a integração da Milton Campos ao Ecossistema Ânima consolida a agenda e o propósito da transformação do país por meio da educação de qualidade, com visão empreendedora, oferecendo ferramentas para a formação de profissionais para um cenário desafiador. “Sempre admiramos a Faculdade Milton Campos por ser uma instituição que tem reputação, força e um legado de qualidade, em especial na área do Direito. Esse processo de aquisição da Faculdade Milton Campos intensifica os recentes movimentos da Ânima na busca por ampliar a oferta de educação de qualidade a um número cada vez maior de brasileiros”, destaca Ciccarini.

Prestes a completar 50 anos de história, a Faculdade Milton Campos nos escolheu para dar continuidade ao legado de tradição, qualidade de ensino e renome. Para a professora Tereza Mafra, a integração será uma soma de duas grandes instituições com valores, princípios e propósitos semelhantes. As perspectivas para o futuro acrescentam à excelência o aprimoramento pela agregação a um ecossistema de ensino inovador e de reconhecida experiência.

Compartilhando desse mesmo conceito, o professor João Batista Carvalho, nosso Diretor Jurídico, e que com a integração passará a ocupar o cargo de Presidente da Milton Campos, ressalta a importância que a instituição terá no arrojado projeto de formar o mais qualificado e renomado Ecossistema de Ensino Jurídico do Brasil. Atualmente, esse ecossistema é integrado pela EBRADI (Escola Brasileira de Direito), vertical de conhecimento que congrega todas as nossas instituições de ensino jurídico e que, além da graduação, oferece também pós-graduação com grandes mestres do Direito do país.

João Batista destaca ainda que a excelência no ensino do Direito da Milton Campos contribuirá para reforçar nosso DNA de qualidade. “Esse é mais um passo imprescindível para consolidar um ensino jurídico de alta qualidade, que desperte no aluno uma visão holística, capaz de unir algo que, na verdade, é incindível – a teoria e a prática – de desenvolver habilidades e competências que serão indispensáveis ao exercício da vida profissional após a formatura. Hoje, com o amplo acesso à informação e à alta tecnologia, não há mais espaço para o ensino baseado apenas em memorização e repetição. Os jovens têm acesso instantâneo e gratuito a qualquer conteúdo, têm pressa e estão ávidos por saber fazer e fazer agora”, destaca.

O professor Thales Catta Preta, Diretor do nosso curso de Ciências Jurídicas em Minas Gerais e professor da Milton Campos há mais de 20 anos, acrescenta: “A Faculdade Milton Campos sempre se destacou pela posição de seus ex-alunos e ex-alunas no mercado de trabalho. São muitos advogados de sucesso, promotores, delegados, juízes e desembargadores, dentre outras profissionais ligados ao Direito”.

Com a integração, as rotinas dos alunos e alunas e educadores e educadoras seguem normalmente, porém com a intensificação da troca de melhores práticas e abertura para novas possibilidades para todos, tanto da Milton Campos quanto das nossas outras instituições. As novas perspectivas incluem desde um maior potencial de investimento para os cursos já existentes e, também, para a eventual criação de novos cursos, laboratórios e ambientes inovadores de aprendizagem, até a troca de experiências e práticas em diversas áreas, tudo isso para ajudar a elevar ainda mais o patamar do ensino superior em BH e RMBH.